ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Tuesday, April 10, 2007

"A Maldição do Kwan"






Como muitos já devem saber, no mês de Março tive a oportunidade de ingressar na Família Moy Jo Lei Ou.E nesta mesma cerimônia, juntamente com o meu grande amigo Vladimir Anchieta. Recebi o convite para fazer o Bai Si com Mestre Julio Camacho.E não obstante, recebi um último convite: O de iniciar também junto com Vlad, o tão sonhado "nível superior medial da fase semi-estruturada", ou seja: LUK DIN POON KWAN, o "Nível do bastão".
Eu que comecei aos 15 anos no Ving Tsun, tinha toda uma visão cinematográfica do Kung Fu, e me decepcionou muito, descobrir que o "Boneco de madeira" e as armas, estariam reservadas apenas para aqueles que chegassem a niveis avançados dentro do sistema. Mas em 2002 consegui finalmente iniciar meus treinos no Moy Fah Jong, e fazer uso do Muk Yan Jong (o até então pra mim, "boneco de madeira do jackie chan").
Neste novo nível,teria a oportunidade de ter mais momentos combativos, pela própria natureza dele, uma natureza de soltura.( segundo a minha interpretação).
Tudo aquilo que me fazia sentir preso nas técnicas, poderia ser deixado de lado. Os treinos eram francos, os golpes machucavam como nunca, e no auge dos meus 18 anos, foi muito bom ouvir do meu Sifu Julio Camacho, na época Sihing, as seguintes palavras:

"Sitaikung Moy Yat costumava dizer: `se você tem alguma técnica secreta de Família, essa é a hora de usar´ "

Todas essas perpectivas de futuros embates com os colegas de treino, eram muito excitantes, mas qual não foi a minha surpresa ao ter que usar aparelho dentário durante todo o ano de 2002 ? Onde mais uma vez recordo as palavras de Sifu com seu tom divertido de sempre:

"Poxa cara! Quando vai começar a ficar bom você bota aparelho?! tsc tsc .. lamentável thiagão, lamentável..(risos)"

E graças a esse aparelho dentário, os hematomas foram inúmeros.
(convite de Sifu a Thiago Pereira(esq.) e Vladimir Anchieta para Bai Si. - Março,2007)

Os anos foram passando, e por motivos pessoais em sua maioria, permaneci no Jong por quase 5 anos. Nele muito coisa aconteceu. E no dia 12 de Março, finalmente comecei a primeira prática do Kwan. E mais uma vez na companhia de Vlad, a prática era chamada "Jing Choi" ( Na qual ainda não usamos o bastão). Foi algo extremamente emocionante! As palavras faltavam para expressar o que sentia por ter chegado ali! Quantas não foram as vezes que quis parar?Com quantas pessoas treinei até ali?Quantos amigos? Quantos "afastamentos" de pessoas queridas? Quantas novas amizades? E quantos desafios???

O conselho do Sifu ao final do treino foi bem simples e direto: "Treinem em casa!"

Porém, tanto eu como Vlad, machucamos feio os nossos joelhos! Mal começamos e machucamos!!!(pelo menos o meu foi jogando bola na semana seguinte). E a isto, o Sifu chamou de : "A maldição do Kwan" em tom de muita brincadeira! Pois por pura ironia do acaso, foi acontecer logo nesta nova etapa! Mas tudo bem! Acho que depois de tanto escrever, passa longe de mim a idéia de que eu ou o Vlad, viéssemos a ser derrotados por nossos joelhos! rsrs

Isso com certeza é muito pouco perto do nosso sonho sem fim...



(sitaikung moy yat (esq.) praticando o Kwan. -Hong Kong,anos 60)

"Um sonho que pode ser realizado facilmente,não é um sonho de verdade"

(trecho do anime FULLMETAL ALCHEMIST)




















1 comment:

  1. Acho que a iniciativa do blog é fantástica...

    Ving Tsun vivido de todas as formas, inclusive ciberneticamente...

    É uma lástima os precursores se desmotivarem por falta de visitantes mas está aí um desafio: Deixar a ambiente me influenciar ou influenciar o ambiente com a minha essência? Qual é a minha essência, portanto?

    Apenas as palavras de um irmão Moy Jo Lei Ou distante fisicamente mas que encarna o espírito coletivo da causa que veio a objetivá-lo...

    Flávio de Souza Jesus

    ReplyDelete