ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Saturday, April 14, 2007

JING CHOI , "soco de guerra"


(Sitaikung Moy Yat praticando o "Jing Choi" - Hong Kong, anos 60)


Continuando os relatos sobre o início da minha saga dentro do Luk Din Poon Kwan, nesta semana finalmente voltei aos treinos. Pois com alguns problemas de saúde nas últimas semanas, além do caso do joelho machucado,realmente ficava impossível a prática. Porém, nesta última quinta-feira a noite, Sifu me pediu que treinasse o Jing Choi novamente. Dentro do possível, eu havia treinado em casa, pois este havia sido o pedido do Sifu pra mim e pro Vlad(como dito no último post).Além do que, esta para mim, vem sendo uma prática extremamente "pesada",onde se eu optasse por executá-la apenas nos dias de treino, ela nunca deixaria de ser assim, tão "pesada"...
Jin..batalha, e Choi... soco. A nomeclatura não poderia convir mais com o que acontece quando se pratica . Cada passo dado para mim, cada soco desferido, cada ida e volta nesta base, é uma verdadeira batalha. Pra ser sincero, já fazia tempo que não sentia esse gostinho de me deparar com uma novidade dentro do sistema que impõe tanto esforço, tanta dedicação.E somado à isso, o meu compromisso de não deixar "baixar a bola" .O que desvalorizaria o esforço para coseguir treinar o "Kwan" depois de tanto tempo.
Nesta sexta pela manhã, ocorreu mais uma tentativa minha. Com a ajuda do Sifu, Diego,Sihing Léo Reis e do Soares,tanto na Quinta quanto na Sexta, pude estudar diferentes detalhes. Detalhes estes, que podem fazer a diferença durante o percursso deste que vem sendo meu maior desafio dentro do Ving Tsun no momento.
"É no Luk Din Poon Kwan que você aprende a dar um soco de verdade" foram mais ou menos as palavras do Sifu. E o que é necessário para isso quando se faz Jing Choi? Força? Explosão? Elasticidade? Mas isso enquanto minhas pernas me "empurram para cima" por considerar que a base é desconfortável ao extremo para elas? E a minha coluna durante a execução? Quando será que vai ficar reta?
Bom, estas respostas ainda estão sendo buscadas por mim ao final desta terceira sessão.
Meu corp
o extremamente dolorido, (principalmente nas costas e nas pernas), faz do Jing Choi meu companheiro 24 horas por dia. Mesmo quando deito pra dormir e não consigo me sentir bem numa determinada posição, sei que foi por causa dele. E ainda assim, tenho a consciência de que três sessões não são absolutamente nada comparadas com o que ainda está por vir. E que sem um esforço além dos treinos, poderá ser mais "pesado" ainda.
Estes são os meus sentimentos pessoais com relação ao Jing Choi. Para mim ele é magnificamente exigente. E só de pensar que todos os grandes mestres passaram por ele,e ainda, tentar imaginar o que eles sentiam ao treiná-lo, e observar onde chegaram. Torna tudo ainda mais motivador.
Realmente, a espera valeu a pena..


1 comment:

  1. o que eu estava procurando, obrigado

    ReplyDelete