ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Saturday, March 26, 2016

(Does the Wooden Dummy stuck the Kung Fu of a practitioner?)O Muk Yan Jong trava a jornada de um praticante?



Quando estava começando no Ving Tsun, em nosso Mo Gun em Jacarepaguá, não se podia mexer no Muk Yan Jong se você não estivesse praticando esse Domínio. Por isso, quando numa tarde, Si Fu me conduziu até aquele boneco de madeira do antigo Núcleo Jacarepaguá (que hoje está disposto no Núcleo Copacabana), eu fiquei muito emocionado! "Finalmente era chegada a hora!" ....

When I was starting out in Ving Tsun in our Mo Gun in Jacarepagua, we could not play with the Muk Yan Jong if you were not practicing this domain. So when one afternoon,Si Fu led me to that wooden dummy of the former MYVT Jacarepagua School (which is now provided in Copacabana School), I was thrilled! "Finally it was time!" ....
Esse na foto acima sou eu praticando no Muk Yan Jong em 2002, tentando me entender com ele. Já tinha tido acesso as oito partes da sequência e após um ano praticando, tudo ainda era muito obscuro. E pela qualidade dos meus movimentos nas duas fotos, percebe-se que minha compreensão era baixíssima a respeito do que eu estava fazendo.

This pictured above its me practicing in the Muk Yan Jong in 2002, trying to get along with it. Already had access the eight parts of the sequence and after a year practicing, it was still very dark. And the quality of my movements in the two photos, it is clear that my understanding was very low about what I was doing.
O que muitos praticantes parecem desconhecer, é que o Sistema Ving Tsun possui um Domínio chamado "Mui Fa Jong", que significa "Pilar da Flor de Ameixa". O Mui Fa Jong é o quarto Domínio do Sistema, e nele, temos acessos a dois aparelhos: o boneco de madeira "Muk Yan Jong" e o "Geuk Jong". Um conjunto de pilares presos no chão que chegam sempre a altura do praticante e que podem aparecer em conjuntos de três ou dez postes.

What many practitioners seem to ignore is that the Ving Tsun System has a domain called "Mui Fa Jong", which means "Plum Blossom Pillar". The Mui Fa Jong is the fourth Domain of the System , and in it, we have access to two devices: the wooden dummy "Muk Yan Jong" and "Geuk Jong". A set of stucked pillars on the ground that  may appear in sets of three or ten poles.
Aqui apareço praticando o Geuk Jong numa madrugada de Sexta com Si Gung observado por Si Suk Felipe Soares e Ursula Lima.
O Mui Fa Jong , não está inserido na lógica que chamamos de "mãos livres" como Siu Nim Tau, Cham Kiu e Biu Ji. O Mui Fa Jong trabalha o "Jong Faat". Traduzindo de forma rasteira, podemos perceber que pela primeira vez no Sistema você pratica o Componente Principal (Ou forma) do Domínio com elementos externos ao seu corpo. Por isso, mesmo que você queira praticar sozinho. Ao menos num primeiro momento o Muk Yan Jong será necessário.

Above its me appears practicing Geuk Jong in the early hours of Saturday with Si Gung observed by Si Suk Felipe Soares and Ursula Lima.
The Mui Fa Jong is not inserted in the logic that we call "free hands" like Siu Nim Tau, Cham Kiu and Biu Ji. The Mui Fa Jong works the "Jong Faat". Translating , we can see that for the first time in the system a practice of the Principal Component (or form) of the Domain with external elements to your body. So even if you want to practice alone. At least at first the Muk Yan Jong is required.
(Pedro Freire e Alexandre preparam o Muk Yan Jong do Núcleo Méier)
(Pedro Freire and Alexandre paiting the Mk Yan Jong of Meier School)

Muitos praticantes "travam" nesse Domínio ao meu ver, porque não percebem que estão numa nova trilogia. Uma trilogia que vai sempre lidar com elementos externos, sejam pilares, bastões ou facas. Você nunca mais trabalhará apenas na extensão do seu próprio corpo. E para aqueles que até esse momento do Sistema não alcançaram uma compreensão a respeito da "Dimensão Kung Fu" da prática, terão dificuldades em ver, que nada de novo é apresentado neste Domínio, apenas os "Jiu Sik"(que muitos chamam de "Técnicas") que aprenderam na Trilogia Fundamental realizados em função de um boneco que aparentemente não se move.

Many practitioners 'get stucked' in this domain in my view, because they do not realize they are in a new trilogy. A trilogy that will always deal with external elements as pillars, staffs or knives. You'll never work only to the extent of your own body again. And for those who until this point still  did not reach an understanding about the "Dimension Kung Fu" of the practice,will have difficulty seeing, that nothing new is presented in this domain, only the "Jiu Sik" (which many call " techniques ") they learned in the Fundamental Trilogy according to a Dummy that apparently does not move.
(Esse sou eu passando verniz no Muk Yan Jong que hoje se encontra no Núcleo Copacabana)
(Thats me paiting the Muk Yan Jong wich I learn on and that is now at MYVT Copacabana School)

Quando o praticante chega nesse Domínio, tudo pode parecer muito confuso, pois ele já possui um Kung Fu considerável, mas que carece de entendimento no que se refere a interação com o boneco. Por isso , seu processo neste Domínio se torna penoso e arrastado. Pois com "a xícara sempre cheia" com o que aprendeu no Siu Nim Tau , Cham Kiu e Biu Ji. Não lhe sobra mais espaço para nenhuma tomada de consciência .
Outras vezes, praticantes como eu quando tive acesso a esse Domínio, são verdadeiros bruta-montes que espancam a madeira como se não houvesse amanhã e não percebem a dificuldade num primeiro momento. Mas num belo dia, seu desenvolvimento estagna e ele não entende o motivo.
Em 2009, eu e dois irmãos Kung Fu produzimos o short-movie abaixo que brinca exatamente com as dificuldades de entender como explorar o Boneco de madeira, e tirar dele o conhecimento necessário...

When the practitioner reaches this domain, everything can seem very confusing, because he or she already has a considerable Kung Fu, but he or she lacks understanding regarding the interaction with the dummy. So your process in this domain becomes painful and dragged. Because with an "always full cup" with what he learned in Siu Nim Tau, Cham Kiu and Biu Ji. There is No spare for more room to no awareness.
Other times, practitioners like me when I had access to that domain,  just beat the wood as there is no tomorrow and do not realize the difficulty at first. But one fine day, his development stagnates and he does not understand why.
In 2009, I and two Kung Fu brothers produced a short-movie below that plays exactly the difficulties to understand how to exploit the wooden dummy, and it take the necessary knowledge ...


(Si Fu numa fábrica de Muk Yan Jong no sul da China em su primeira viagem ao país)
(Si Fu at a Wodden Dummy factory in South China during his first trip)

Eu queria compartilhar de alguma forma com vocês um segredo para se tornar cada vez mais proeminente na prática do Muk Yan Jong: Permaneça na Família!
Um belo dia, pode ser amanhã ou daqui a dez anos. Você vai estar no Mo Gun ou em algum lugar que não se sabe onde, e haverá uma pessoa praticando no boneco de madeira, ou uma conversa sobre o tema estará acontecendo. Nesse momento, algo será dito e você compreenderá num nível de profundidade que jamais sonhou. E você não vai entender como. Mas você ficará maravilhado!

I wanted to share with you in any way a secret to become increasingly prominent in the practice of Muk Yan Jong: Stay in the Family!
One day may be tomorrow or in ten years. You will be in Mo Gun or somewhere that does not know where, and there will be a person practicing in the wooden dummy, or a conversation on the topic will be happening. At that point, something will be said and you will understand in a level of depth that ever dreamed. And you will not understand how. But you will be amazed!
(Aqui observo Luciano praticando o Muk Yan Jong enquanto seu filho assiste)
(here I watch Luciano playing the Jong while he son also watches)

O segredo número dois também é muito especial: Desta vez, você estará sozinho cuidando de alguém que está praticando esse Domínio. Dentro de você, a permanente humildade daqueles que sabem que ainda nada sabem de fato estará sempre presente. 
Nesse momento, você coloca todo o seu coração para mobilizar ao máximo essa pessoa a compreender mais e mais seu próprio processo. E então algo mágico vai acontecer: Você vai se perceber tecendo comentários ou propondo dinâmicas a respeito dos "Jiu Sik" da forma, e vai pensar: "Será que falei demais? Bom, até que não foi tão ruim assim... Mas espera! Quando eu aprendi isso que acabei de falar tão bem a respeito?"....

The number two secret is also very special: This time you'll be alone caring for someone who is practicing this domain. Inside you, the permanent humility of those who know they still know nothing will always be present.
At this point, you put your whole heart to mobilize the most of this person to understand more and more his own process. And then something magical happens: You will realize commenting or offering dynamics about the "Jiu Sik" , and will think: "Have I said too much Well, so it was not that bad ... But wait? ! When I learned that I just talk so well about ? "....
Si Gung (foto)  fala do Kung Fu como um processo acumulativo. Si Baak Nataniel , Diretor do Núcleo Brasília , fala a respeito do Kung Fu enquanto um processo de aprender a como aprender. E isso se torna claro, quando você percebe que nos momentos que mais fez força para entender foi quando esteve mais longe. E num dia que você menos espera você entende tudo. 
Sobre a mobilização do Mui Fa Jong dita acima, Si Gung fala disso: "Quando você precisa o Kung Fu está lá".... Por isso você o acha, mas nem ao menos se lembra quando ele chegou até você.

Si Gung (photo) speaks of Kung Fu as an accumulative process. Si Baak Nataniel, Director of the Brasilia School, talks about the Kung Fu as a process of learning how to learn. That becomes clear when you realize that the moments that most struggled to understand was when you were far away. And one day you least expect you understand everything.
On the mobilization of Mui Fa Jong said above, Si Gung talks about it: "When you need the Kung Fu is there" .... So you think, but not even remember when it came to you.
E então vem a lição mais importante que ouvi nos últimos tempos de Si Fu a respeito de como praticar o Domínio Mui Fa Jong, por ocasião do acesso de Pedro Freire(foto) e outros membros a esse Domínio: Si Fu falou sobre a autonomia que esse Domínio proporciona ao praticante. Não cabe mais uma ideia de esperar pelo Si Hing, Si Fu ou quem quer que seja para você aprender. O Muk Yan Jong estará pendurado sempre no Mo Gun aguardando por você. - "É só pegar a chave do Mo Gun, abrir e praticar..." - Disse ele. 
Esse "Investimento paciente", como chama Si Gung, é a chave para que o Kung Fu venha quando você o invocá-lo ou "sumonizá-lo" como diria meu Si Dai e Mestre de jogos de RPG Rodrigo Moreira.rs) . Por isso, a confiança em seu Si Fu é indispensável. Mas afinal, o que na jornada do Ving Tsun não teria a ver com confiar em seu Si Fu?

And then comes the most important lesson I heard recently from Si Fu about how to practice the Domain Mui Fa Jong, at the Pedro Freire (photo)access  and other members of this domain: Si Fu talked about the autonomy that this domain provides for the practitioner. Ypu can not keep the  idea of waiting for your Si Hing, Si Fu or anyone to learn from only. The Muk Yan Jong is always hanging in Mo Gun's wall waiting for you. - "Just get the key to Mo Gun, open and practice ..." - he said.
This "patient investment" as  Si Gung says, is the key to the Kung Fu come when you invoke or  "summon it" as would say my Si Dai and RPG Master Rodrigo Moreirs lol). So, trust in your Si Fu is indispensable. But after all, what in the journey of Ving Tsun would not have to do with trust 
your Si Fu?

Abaixo, eu demonstro a sequência do Muk Yan Jong em 2005.
Below I show the sequence of Muk Yan Jong in 2005!



The Disciple of the Senior Master Julio Camacho;
Thiago Pereira "Moy Fat Lei"
moyfatlei.myvt@gmail.com






1 comment:

  1. Muito obrigado querido Thiago por compartilhar as suas experiencias. Abraço.

    ReplyDelete