ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Wednesday, November 4, 2015

Becoming a senior in Ving Tsun (Se tornando adulto no Ving Tsun)

No último Sábado a tarde , exatos 25 anos depois , voltei a ser "Leonardo" o líder das Tartarugas Ninja em seu primeiro jogo para Fliperama que eu tanto amava com meus 6 anos de idade. Finalmente consegui instalar um emulador no notebook! 
Neste mesmo ano de 1990, eu praticava Judo como se não houvesse amanhã. Realmente fiquei apaixonado pelas aulas do Sensei Vanderlei e não perdia uma. Minha mãe era obrigada a me levar mesmo sob muita chuva.
A primeira faixa que recebi no Judo depois da branca era a azul. E depois a amarela...  E quando chegava a época de passar de faixa, chamávamos isso de "Exame de Faixa". Você mostrava o que havia aprendido na faixa anterior e não podia errar... Porém, como eu era muito pequeno, não lembro se fui beneficiado ou não..rs 
No fim das contas, acho que ter lembrado de baixar Tartarugas Ninja exatamente naquele dia não tenha sido por acaso... Será que foi algo relacionado a Gestault? rs

Last Saturday afternoon, exactly 25 years later, I became "Leonardo" the leader of the Ninja Turtles again in his first game for Arcade wich I loved so much with my 6 year old. Finally managed to install an emulator on my notebook!
That same year, 1990, I practiced Judo like there's no tomorrow. I was really passionate about the lessons Sensei Vanderlei and never missed one. My mother was forced to take me even in heavy rain.
The first belt I received in Judo after White was the blue. And then the yellow ... And when it was time to move from belt, we called it the "Belt Exam". You showed what you had learned in the previous belt and could do no wrong ... But since I was very little, I do not remember if I was benefited or not..lol
In the end, I think I have remembered to download Ninja Turtles exactly that day was not by chance ... Was it something related to Gestault? LOL

Novas Passagens de Nível da Família Moy Jo Lei Ou.
New promotions in Moy Jo Lei Ou Family

O dia começou com o "Yam Cha" num local muito agradável próximo a casa de Si Fu (foto). Como sempre , muito pôde ser aprendido naquela manhã, numa simples mesa para tomar café.

The day began with the "Yam cha" a very nice place close to Si Fu house (photo). As always, much could be learned that morning, a simple table for breakfast.
Lucas Eustáquio e Clayton Meireles, estavam presentes para além da vivência e das práticas daquela manha, receberem o convite de acesso ao próximo Nível. Além deles, outros membros dos Núcleo Barra e Méier marcaram presença.
A principio, se vamos nos defender na rua ou não de uma agressão. Esta é uma decisão que não cabe a nós. E sim, de uma avaliação do cenário e da nossa capacidade de se adequar a ele- Como bem disse Si Gung no último episódio de "Cultura Kung Fu" sobre "Defesa Pessoal" que você pode assistir clicando (AQUI).

Lucas Eustaquio and Clayton Meireles, were present in addition to the experience and practices that morning, receive the invitation to access the next level. Besides them, other members of the MYVT Barra and Meier schools attended.
At first, if we defend ourselves on the street or not during an assault. This is a decision that is not up to us. An assessment of the scenario and our ability to adjust to it as  Si Gung said in the last episode of "Culture Kung Fu" on "Self Defense" which you can watch by clicking (HERE).
Numa "mesa Kung Fu", a comida fica de lado. Ela serve de pretexto para que nos encontremos e a partir dela tenhamos experiências de Kung Fu. Desde o ato de saber o que pedir, como saber o que pagar. Tudo isso sem afetar o fluxo da mesa.  Quando não sabemos como fazê-lo, é fácil observar braços passando na frente de quem está falando, garçons interrompendo, pedidos sendo feitos fora de hora e muito mais.
Por isso naquela manhã, dentre tantas coisas que aprendemos, Si fu falou da importância de o mais antigo tomar a frente nestas situações. E o "Si Dai" (irmão Kung Fu mais novo) aprender ao acompanhar seu Si Hing fazendo. Pois muitas vezes, no intuito de gerar uma suposta experiência para o mais novo, o incumbimos de tarefas que acabam por comprometer todo o restante.

On a "Kung Fu Table", the food stands aside. It serves as a pretext for us to meet and from it we live a experience in Kung Fu. Since the act of knowing what to ask, how do you know what you pay. All this without affecting the flow table. When we do not know how to do it, it is easy to observe arms passing in front of who is speaking, waiters interrupting, requests being made out of turn and more.
So that morning, among many things we learned, Si fu spoke of the importance of the oldest take the lead in these situations. And "Si Dai" (Kung Fu younger brother) learn to follow his Si Hing by watch what he is doing. Because often, in order to generate an alleged experience to the younger, the task we mandate that end up compromising the rest.
PRATIQUE VING TSUN NO RIO:
ou pelo WHATS APP: 21 98809-8862

No Clã Moy Yat Sang não temos "exames de faixa" como tive no Judo em 1990. Temos "Procedimentos Cerimoniais" previsto no Programa MYVT. Ainda assim, cada Líder de Família é livre para trabalhar com esses instrumentos do programa de forma com que melhor atenda sua Família Kung Fu.

In Moy Yat Sang Clan we have no "belt exam" as I have had in Judo in 1990. We have "Ceremonial Procedures" laid down in MYVT Program. Still, each family leader is free to work with these instruments form of program that best meets their Kung Fu Family.
Desta forma, Si Fu fez questão de convidar pessoalmente cada um dos promoventes na próxima Cerimonia. Em particular os do Núcleo Méier, que cuido diretamente, e que em casos como o de Lucas Eustáquio(foto), quase não tem a oportunidade de estar com Si Fu.
Si Fu neste segundo momento falou sobre ser adulto. Lucas exemplificou falando que ser adulto é ter responsabilidades, mas Si Fu comentou dizendo que existem jovens responsáveis e adultos irresponsáveis. - Entendi do que Si Fu disse,  que um adulto é alguém que faz algo ainda que não queira fazê-lo porque a sociedade espera isso dele. 
Entendi que quando saímos para trabalhar todas as manhãs ainda que não tenhamos filhos ou alguém que dependa diretamente de nós, fazemos porque é necessário. Porque diferente de quando tinhamos 16...17 anos... E "ficar de bobeira" a tarde toda era aceitável. Quando nos vemos como adultos, não aceitamos isso.

In this way, Si Fu made sure to personally invite each member for the next Ceremony. Particularly from the Meier School, which I take care directly, and that in cases such as Lucas Eustaquio (photo), hardly has the opportunity to be with Si Fu.
Si Fu in this second phase talked about being adult. Lucas exemplified saying that being an adult is to have responsibilities, but Si Fu commented saying that there are responsible yougsters and irresponsible  adults. - Si Fu said that an adult is someone who does something even if he does not want to do , because society expects it from him.
I understood that when we leave for work every morning even though we do not have kids or anyone who depends directly from us, we do because it is needed. Because unlike when we were 16 ... 17 years old ... and was ok "to hang out" all afternoon. When we see ourselves as adults, we do not accept it.
(Eu e meu irmão Kung Fu Vladimir Anchieta "Moy Wu Lai"- Si Fu ao fundo)
(Thats me and my KF brother Vladimir Anchieta "Moy Wu Lai- Si fu in the background)

Estive com meu irmão Kung Fu Vladimir recentemente. Ele é o que podemos chamar de modelo de posicionamento.  - Vlad me contou que um amigo de trabalho perguntou-lhe recentemente: "Você gosta mesmo de trabalhar né Vladimir?" - Vlad parou, olhou para em silêncio e respondeu: "E eu lá gosto de trabalhar rapaz? Quem fala que gosta de trabalhar tá mentindo! Você acha que vou querer deixar de estar com meu filho, minha família, no conforto do meu lar para estra aqui contigo?" .
O homem não se convenceu e disse: "Mas você nunca faltou ao trabalho!" - Vlad já sem paciência finalizou: "Meu amigo, isso é o meu compromisso com meu trabalho. O fato de eu nunca ter faltado não quer dizer que eu goste. Quer dizer que eu cumpro com meu dever"....
Vlad ainda encerrou a conversa dizendo: "Quando ainda estava no Ceará minha mãe pediu que eu ficasse morando com ela para cuidar da casa como único homem. Eu poderia viver da sua aposentadoria. Eu tinha 18 anos, e não aceitei aquilo para minha vida. Peguei minhas coisas e fui pra Fortaleza, de lá fui para Brasília. Queria ter minhas coisas..."

I was with my Kung Fu brother Vladimir recently. He is what we call positioning model. - Vlad told me that a friend from work asked him recently: "Do you really like working Vladimir huh?" - Vlad stopped, looked in silence and replied, "And why I would like  to work young man? Who says that enjoys working is lying to you. Do you think I'll want to leave to be with my son, my family, in the comfort of my home to be here with you? " .
The man was not convinced and said, "But you never missed work!" - Vlad has no patience ended, "My friend... This is my commitment to my work The fact that I have never missed not mean I like to work.  Is only that I want to fulfill my duty.." ....
Vlad still ended the conversation: "While still in Ceara State my mother asked me to stay living with her to keep the house as the only man I could live using her retirement money.  I was 18, and did not accept that for my life... I picked up my things and went to the Capital, Fortaleza, from there went to Brasília. I wanted to have my things ... "
(Erika, Lucas e Si Fu no Núcleo Barra no último Sábado)
(Erika, Lucas and Si Fu at MYVT Meier School last Saturday)


O que cada um tirou daquela manhã não sei dizer. Mas o que eu tirei é que ser adulto é assumir as próprias escolhas. Como disse Si Fu, não há nada melhor do que viver sob uma tirania. Afinal, todas as suas frustrações , insucessos e demais pesares podem ser colocados na conta desse "tirano". Quando você faz suas escolhas e não há uma figura de tirania(um pai, uma mãe, um irmão mais velho ou mesmo um Si Fu), o que você faz?
Isso me lembrou um ditado japonês: "Quando seu próprio coração pergunta" - Por que quando seu próprio coração perguntar, o que você irá responder?
Ao final, Si Fu convidou Lucas e Clayton Meireles a se verem como adultos a partir de agora. Porém, além deles: Eu, Claudio Teixeira e Erika também estávamos na sala...

What each took that morning I can not say. But what I took from it. is to be adult is to take one's own choices. As Si Fu said, there is nothing better than living under a tyranny. After all, all your frustrations, failures and regrets too can be placed on behalf of a "tyrant." When you make your choices and there is a tyranny figure (a father, a mother, an older brother or even a Si Fu), what do you do?
It reminded me of a Japanese saying, "When your own heart asks you" - because when ones heart asks, what will you respond?
Finally, Si Fu invited Lucas and Clayton Meireles to see themselves as adults from now. But beyond them: I, Claudio Teixeira and Erika were also in the room ...

A disciple of Master Julio Camacho
Thiago Pereira "Moy Fat Lei"
moyfatlei.myvt@gmail.com





No comments:

Post a Comment