ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Thursday, July 31, 2014

THE STORY OF CHU SHONG TIN (A história de Chu Shong Tin)



(O filho de Si Taai Gung Moy Yat, Si Baak William Moy, deixa uma mensagem em seu facebook lamentando o ocorrido.)
(The son of Si Taai Gung Moy Yat, Si Baak Gung William Moy, sending his condolences to his family)


O mundo do Ving Tsun começou esta semana com uma triste notícia: O falecimento de uma das últimas lendas vivas do Ving Tsun: Grão-Mestre Chu Shong Tin.
Neste post, tentarei escrever um pouco sobre sua história, que com certeza poderá ser melhor contada um dia pelos membros de sua Família Kung Fu. E também aproveito para trazer fotos de momentos com ele e nosso Clã, bem como, de sítios históricos de nossa arte.


The Ving Tsun World began this week with some sad news: The passing of one of the last living legends of the Ving Tsun Style: Grandmaster Chu Shong Tin. 
In this post, I will try to write a little about his story, which certainly can be best told one day by members of his Kung Fu Family. And alsoI´ll  take this opportunity to bring photos of moments with him and our Clan, as well as historical sites of our art.




(Na foto da esquerda p/ direita: Chu Shong Tin, Leung Sheung, Lok Yu e Wong Shun Leung)
(Above from left to right: Chu Shong Tin, Leung Sheung, Lok Yu and Wong Shun Leung)

Chu Shong Tin (Tsui Sheung Tin) chegou em Hong Kong em Novembro de 1949. No ano seguinte ele começou a trabalhar como secretário na "Hong Kong Restaurant Workers Union". Na mesma época , Ip Man começou a dar sessões de Ving Tsun no terraço deste local. Deste primeiro grupo destacam-se Leung Sheung, o Daai Si Hing da Família Ip Man em Hong Kong, e Lok Yu.

Chu Shong Tin (Tsui Sheung Tin) arrived in Hong Kong in November 1949. In the following year he began working as a secretary at the "Hong Kong Restaurant Workers Union." At the same time, Ip Man began to teach Ving Tsun on the rooftop of the building. From this first group stand out Grand-Master Leung Sheung, the Dai Si Hing of Ip Man Family in Hong Kong, and Grand-Master Lok Yu.
Sentado a esquerda vemos o jovem Chu Shong Tin, ao seu lado , seu Si Fu Ip Man.
Sat in the left we see the young Chu Shong Tin. By his side, his Si Fu Ip Man.

( No terraço da "Hong Kong Restaurant Workers Union" ainda era possível encontrar até 20 anos atrás, a madeira que Ip Man usava para servir de referência na prática do Siu Nim Tau)
(On the rooftop of the "Hong Kong Restaurant Workers Union" , was still possible to find the pole that Ip Man used as reference for the Siu Nim Tau practice)


(rua onde fica o prédio da  "Hong Kong Restaurant Workers Union" )
                                    (The street where is the "Hong Kong Restaurant Workers Union" building)


(Foto do prédio da "Hong Kong Restaurant Workers Union")
(Photo of the "Hong Kong Restaurant Workers Union" building)

Certa vez conversando com Si Fu, nós tocamos nesse assunto, ele me indagou se eu sabia a razão de conhecer todos esses nomes de pessoas proeminentes em nossa arte. Si Fu me disse: "Pereira, sabe por que você conhece todos esses praticantes de 50 anos atrás? Porque eles continuaram..."

Once talking to Si Fu, we touched on this theme,and he asked me if I knew the reason why I know all these names of outstanding people in our art.Si Fu said: "Pereira, Do You know why you know all these practitioners' names from 50 years ago? Because they remained in the Family ...?"
(Si Fu sempre vencendo distâncias para levar a bandeira de nosso Clã: Aqui é ele parado em frente a entrada do agora lendário prédio onde tudo começou)
(Si Fu always going trough hard work to take high our great Clan's flag: Here is he standing in front of this legendary place)


 Curioso dizer que o próprio Chu Shong Tin , apesar de ser considerado o terceiro aluno do Patriarca Ip Man, humildemente se coloca como entrando após já haver um grupo estabelecido. E dentro desta sua gentileza, ele comenta que se os outros não ficaram conhecidos como seus Si Hing Leung Sheung ,Lok Yu ou ele mesmo. Foi porque praticaram por pouco tempo ou porque não levaram o Ving Tsun profissionalmente em suas vidas.

It is interesting to say that Chu Shong Tin himself, despite being considered the third student of Ip Man , humbly used to say that he joined the Family after a first group. And in his kindness, he also used to say that if the others were not known as his Si Hing Leung Sheung, Lok Yu or himself. It is Because They practiced for a short time or because they did not take the Ving Tsun professionally in their lives.

 A principio, o jovem Chu Shong Tin, não começou a praticar, porém é sabido que ele se interessou muito pelas explicações que o Patriarca dava a respeito da mecanica e fisica empregados nos movimentos, e assim ele resolveu ingressar naquela Família. Chu Shong Tin, quando se refere a seu Si Fu Ip Man, ele o chama de "Chung Si"(宗师) . Este termos diz respeito a uma espécie de "Si Fu dos Si Fus" . Alguém que está acima dos demais. Não apenas protocorlamente, mas por ser necessário que esteja.
Chu Shong Ting diz que quando começou , algo que lhe chamou a atenção, foi que o nome "Siu Nim Tau"(小念頭) não parecia estar ligado a uma prática marcial.

At first, Chu Shong Tin, did not begin to practice, but it is known that he was very interested for the explanations by the Patriarch Ip Man about about the physics and mechanics employed in the Ving Tsun movements, and so he decided to join that family. Chu Shong Tin, when referring to his Si Fu Ip Man, he calls him "Chung Si" (宗师). This terms refers to a kind of "Si Si Fu of the Si Fus". Someone who is above the rest. Because it needs to be. 
Chu Shong Tin used to say that when he started, something that caught his attention was the name "Siu Nim Tau" (小念頭). For him, it did not seem to be linked to a martial practice.




(Si Fu no pátio do Templo Siu Lam(Shaolin) do Sul em Fukien)
Si Fu stand in the yard of the South Siu Lam(Shaolin) Temple in Fukien) 

Muitos são os praticantes de Ving Tsun que atribuem as origens de sua arte ao Templo Shaolin (Siu Lam). Onde teria vivido a monja Ng Mui(五梅)Por isso, o nome "Siu Nim Tau"(小念頭) talvez seja uma evidência deste período já que muitas de suas traduções encontram-se relacionadas a conceitos do budismo chinês.

Many are the practitioners of Ving Tsun that attribute the origins of this art to the Shaolin Temple (Shaolin). Where lived the nun Ng Mui (五 梅) Hence, the name "Siu Nim Tau" (小念頭) is perhaps an evidence of this period since many of its translations are related to concepts of Chinese Buddhism.

(A líder mundial do Grande Clã Moy Yat, Sra Helen Moy e o Monge responsável pelo Templo em Fukien)
(The World Leader of the Great Clan Moy Yat and the Monk leader of the Temple in Fukien) 

Muitos traduzem "Siu Nim Tau" como "Pequena Idéia do Início" , isso porque "Cabeça"(Tau 頭) é o "início do corpo". Sendo (Siu 小) "Pequena" e (Nim 念) "idéia" ou "Intenção". Acontece que conforme Si Fu sempre fala, este mesmo (Siu 小) pode ser interpretado como "Pouco" e (NimTau 念頭) como "Vontade", "Desejo" ou "ambição". Assim dizendo que quanto mais "Vontade" o praticante colocar no início, mais longe de gerar o efeito que espera ele vai estar. Da mesma forma , quanto "menor(Siu 小) a intenção(Nim念) no início (Tau 頭)" mais eficaz ele poderá ser.

Many translate "Siu Nim Tau" as "Little Idea of the Beginning", because  "Head" (Tau 頭) is the "beginning of the body." And (Siu 小) "Small" and (Nim 念) "idea" or "Intent". It turns out that as Si Fu always speaks the same (Siu 小) can be interpreted as "A Little bit" and (NimTau 念頭) as "will", "Desire" or "ambition". So we could consider that the more "will" the practitioner puts at the beginning of his trainning, further to generate the effect that he wants he will be. Likewise, as "minor (Siu 小) intention (Nim 念) in the beginning (Tau 頭)" more effective it can be.

(Chu Shong Tin e Ip Man)
(Chu Shong Tin and Ip Man)

 Quando Chu Shong Tin foi até Ip Man perguntar sobre os propósitos do Siu Nim Tau e de seus movimentos, o Patriarca apenas pediu que ele continuasse praticando. E assim sucessivamente, Chu Shong Tin recebia a mesma resposta sempre. Por isso, restou a ele somente praticar o Siu Nim Tau com acuro a fim de entender o que havia por detrás de sua proposta.

Esse tipo de processo é interessante, pois de acordo com as pesquisas do Professor Peimin Ni da Grand Valley State University de , eruditos do Neoconfucianismo usavam o termo "kung fu" sob diferentes significados.
Baseado na constatação da ampla abrangência do termo, ele elencou os seguintes empregos para essa noção:
 (1) esforços dispendidos em algo,
(2) modos apropriados de realizar esforços (empregando tempo) ou instruções particulares sobre como realizar esforços, isso é também o sentido no qual nós podemos falar sobre kung fu como uma forma de arte,
(3) incorporação das habilidades resultantes destes esforços,
e (4) os propósitos das habilidades alcançadas

When Chu Shong Tin went to ask Ip Man about the purposes of the Siu Nim Tau and its movements, Ip Man just asked him to continue practicing. And so, Chu Shong Tin always received the same answer. So he gave up and kept practicing the Siu Nim Tau  with great atteniton and dedication in order to understand what was behind its proposal. 

This type of process is interesting because according to the researches of Professor Ni Peimin from Grand Valley State University, scholars from the Neoconfucianism period used the term "kung fu" in different meanings. 
Based on the finding of broad scope of the term, he listed the following meanings for this notion of "Kung Fu":

(1) efforts expended on something, 
(2) appropriate ways to make efforts (using time) or specific instructions on how to make efforts, it is also the sense in which we can talk about kung fu as an art form, 
(3) incorporation of skills resulting from these efforts, 
and (4) the purposes of the skills achieved

(Chu Shong Tin executando o Siu Nim Tau)
(Chu Shong Tin doing the Siu Nim Tau)

Chu Shong Tin, segundo ele mesmo, certo dia sentiu algo diferente enquanto praticava. Uma espécie de entendimento que não estava lá antes. Quando ele foi até seu Si Fu Ip Man e contou esta descoberta, Ip Man passou a chamá-lo de: "Siu Nim Tau Wong(小念頭王)" ou "Rei do Siu Nim Tau".

Chu Shong Tin, according to himself, one day he felt something different while practicing. A sort of understanding that was not there before. When he went to his Si Fu Ip Man and told this discovery, Ip Man started to call him as "Siu Nim Tau Wong (小念頭王)" or "Siu Nim Tau King".
(Si Gung, de pé entre seu Si hing Miguel Hernandez e seu Dai ji Julio Camacho, em restaurante com Chu Shong Tin e a líder do Clã Moy Yat, Sra Helen Moy, dentre outros em Hong Kong)
(Si Gung stands between his Si Hing Miguel Hernandez and his Dai Ji Julio Camacho, at some restaurant in Hong Kong with Chu Shong Tin, the leader of Moy Yat Clam, Mrs Helen Moy among others.)

Por isso,segundo meu Si Gung Leo Imamura, podemos dizer que o kung fu guia-nos a uma conscientização em que percebemos “a transformação das coisas”, indicando que devemos seguir o processo transformativo em vez de tentar em vão buscar o que é o real.


(O Patriarca com seus dois discípulos remanescentes daquele primeiro grupo: Lok Yu e Leung Sheung)
(The Chung Si with his two disciples from that first period: Lok Yu  and Leung Sheung)


Grão-Mestre Chu Shong Tin viveu em Hong Kong junto de seu Si Fu e irmãos Kung Fu numa época bem conturbada. Muitas pessoas chegavam refugiadas da China continental. A taxa de desemprego e assaltos era muito alto. Devido a esses e outros fatores, Chu Shong Tin não só trabalhava na na "Hong Kong Restaurant Workers Union", como também morava lá. Segundo ele, junto de Ip Man e outros, morou lá por 5 anos. Vivendo , trabalhando, comendo, conversando, e tudo mais que era possível, na companhia de seu Si Fu. Décadas mais tarde, meu Si Fu Julio Camacho, por ocasião de uma viagem que realizou junto do Clã Moy Yat e sua líder, Si Taai Po Helen Moy em 2009. Pôde estar junto desta lenda de nossa arte.

Grandmaster Chu Shong Tin in Hong Kong lived along with his Si Fu and Kung Fu brothers in a troubled time. Many refugees arrived from mainland China. The unemployment rate was very high . Because of these and other factors, Chu Shong Tin not only worked at the "Hong Kong Restaurant Workers Union," as also lived there. According to him, with Ip Man and others he lived there for 5 years. Living, working, eating, talking, and everything that was possible in the company of his Si Fu. Decades later, my Si Fu Julio Camacho, during a trip that took place along the Moy Yat Clan and its leader, Si Taai Po Helen Moy in 2009. Could met this legend in person.
(Si Fu servindo chá para Si Taai Po Helen Moy e Si Taai Baak Gung Chu Shong Ting)
(Si Fu serves tea to Si Taai Po Helen Moy and Si Taai Baak Gung Chu Shong Tin)

Ele, Si Gung e outros membros do Clã Moy Yat Sang do Brasil, puderam visitar inclusive o Mo Gun de Chu Shong Tin. Si Fu contou na época, que presenciou quando Chu Shong Tin ligou no caminho para seu Mo Gun para algum To Dai a fim de que este reunisse outros para recepcionar a comitiva do Clã de seu falecido Si Dai, Grão-Mestre Moy Yat.

He, Si Gung and other members of the Moy Yat Sang Clan from Brazil, were able to visit Chu Shong Tin's Mo Gun.
Si Fu said at the time that saw when Chu Shong Tin called on the way to his Mo Gun a To Dai for to gather others to welcome the delegation of the clan of his late Si Dai , Grand Master Moy Yat.

(Si Fu e Si Gung no Mo Gun de Chu Shong Tin)
(Si Fu and Si Gung at Chu Shong Tin's School)
(A mesa principal no restaurante)
(The main table in the restaurant)


A foto da mesa na qual estava Si Taai Po Helen e Si Taai Baak Gung Chu Shong Tin era bem interessante. Nela só sentaram membros de décima geração,como Si Gung, e convidados especiais. Meu Si Fu por exemplo não estava nela. Para mim, que sou da décima segunda geração é uma situação bem estranha ver Si Fu na mesa que não seja a principal.

The photo of the table on which was Si Taai Po Helen and Si Taai  Baak Gung Chu Shong Tin  was very interesting. It just sat there the tenth generation members of our lineage as Si Gung, and special guests. My Si Fu for example it was not there. For me, I'm the from the twelfth generation , and was a very strange situation to see Si Fu on other table than the main one.
( Grão-Mestre Pete Pajil e seu Si Hing Micky Chan na ocasião de sua aposentadoria)
(Grand-Master Pete Pajil now is retired . He stands with his Si Hing Micky Chan )


Porém, agora com o falecimento de Grão-Mestre Chu Shong Tin da nona geração de decendentes de Ving Tsun, e da aposentadoria de Grão-Mestre Pete Pajil da décima. Cada vez mais restará aos membros da décima primeira geração, como meu próprio Si Fu e Si Sok Ursula, e nós os membros da décima segunda geração salvaguardar o Sistema para as próximas gerações. E que assim como dizia Grão-Mestre Moy Yat sobre o "Biu Ji": Que possamos nos inspirar no que passou (Como a pessoa de Grão-Mestre Chu Shong Tin) e preparar o porvir (a próxima geração).

But now with the passing of Grandmaster Chu Shong Tin from the ninth-generation of descendants of Ving Tsun, and the retirement of Grand Master Pete Pajil from the tenth Generation. Increasingly remain members of the eleventh generation, like my own Si Fu and Si Sok Ursula, and we members of the twelfth generation to safeguard the system for future generations. And as late Grand-Master Moy Yat said once said about "Biu Ji": May we inspire ourselves in the past (As in people like Grandmaster Chu Shong Tin) and prepare the future (the next generation).

R.I.P. 
CHU SHONG TIN (TSUI SHEUNG TIN)
1933-2014



THE DISCIPLE OF MASTER JULIO CAMACHO
Thiago Pereira "Moy Fat Lei"
moyfatlei.myvt@gmail.com

No comments:

Post a Comment