ONDE PRATICAR

ONDE PRATICAR
Clique na imagem e conheça os Nucleos da Moy Yat Ving Tsun no Rio

Monday, November 22, 2010

INTERVIEW WITH MASTER MIGUEL HERNANDEZ ON A BRAZILIAN MAGAZINE(ENTREVISTA COM MESTRE MIGUEL HERNANDEZ)

ENTREVISTA COM MESTRE MIGUEL HERNANDEZ EM REVISTA BRASILEIRA.
INTERVIEW WITH MASTER MIGUEL HERNANDEZ(10G VT) IN A BRAZILIAN MAGAZINE.
Capítulo 1: Eu e ele.
Chapter one: Me and him.

Esta é uma foto minha com o Mestre Miguel Hernandez, Si Hing de meu Si Gung Leo Imamura. Ela foi tirada em 15 de Março de 2003, ainda com aquelas máquinas antigas nas quais eu sempre saia de olhos fechados.

Mas esta foto é muito curiosa pra mim por duas coisas:

Uma, é que até então eu nunca o tinha visto pessoalmente, nunca o tinha visto fazer nenhum movimento. E se eu passasse por ele na rua sem saber quem era, nunca imaginaria ser um Mestre tão prestigiado.

This is a picture of me with Master Miguel Hernandez(10G VT), Si Hing of my Si Gung Leo Imamura(10G VT). It was taken on March 15, 2003, with those old cameras where I always appeared with eyes closed.
 
But this picture is very curious to me for two things:
One is that until then I had never seen him personally, had never seen him do any movement. And if I pass by his side on the street without knowing who he was, I´d never imagined being that he was a so prestigious Master.

 (Mestre Miguel no Muk Yan Jong)
(Master Miguel on the Jong)

Na verdade, Si Baak Gung Miguel, já havia sido um dia, apenas um cara com bigode igual ao do Magnum que gostava de Kung Fu. Um cara como qualquer outro que chegava para treinar na Moy Yat Ving Tsun.

Indeed, Si Baak Gung Miguel, had been one day, just a guy with a mustache like Magnum,P.I. who loved Kung Fu. A guy like anyone else who came to train at the Moy Yat Ving Tsun.

Mas por várias vezes Si Gung, ou mesmo meu Si Fu , falavam dele com muita admiração dentre uma história ou outra, e isso me contagiou de alguma forma.
Porque assim que o vi, sabia que seria importante tirar uma foto com ele, ainda que não soubesse o "Por que". Apenas senti isso no coração.

But several times Si Gung, or even my Si Fu, spoke of him with great admiration in every story , and it infected me somehow.

Because as soon as I saw him, I knew that was important to take a picture with him, although I did not know "why." I just felt it in my heart.


Meu Si Fu Julio Camacho e Si Baak Gung Miguel Hernadez.
(My Si Fu with Si Baak Gung Miguel).

Eu voltei deste evento com várias fotos ao lado de pessoas muito importantes dentro do Clã Moy Yat e do Ving Tsun como um todo. E uma amiga minha da faculdade,Carolina Pita,que sabia que eu era praticante de Ving Tsun(mas que nunca mostrava nada). Estava muito anciosa para ver as fotos.

I came back with pictures of the event where I was by the side of very important people within the Moy Yat Ving Tsun Clan as a whole. And a friend of mine from college at the time, who knew I was practicing Ving Tsun (but never showed anything)was very anxious to see the photos. 

 (Na foto vemos marcados por setas, Carolina Pita, minha primeira amiga na Universidade, e também irmã de Phelipe Pita, que mais tarde viria a fazer parte da Família Kung Fu. E a outra seta marca a mim mesmo então com 19 anos vestindo uma das minhas camisas falsificadas da Moy Yat Ving Tsun que eu fazia em casa..rs)
(In this photo above, we see an arrow on Carolina Pita, my first friend at University,and also the sister of Phelipe Pita 12G VT, and the another arrow marks me.)

Nós voltávamos juntos neste ônibus(636), e eu estava mostrando as fotos falando sobre quem era cada pessoa. Lembro que esta minha foto com Si Baak Gung Miguel Hernandez era a última do álbum, e ela perguntou:

-Mas não tem você lutando?
-Não.
-Ah. - disse ela.- Achei que fossem fotos de você lutando!
-Então, mas este aqui é um dos maiores Mestres, se chama Miguel...etc etc...

Devo confessar que fiquei um pouco decepcionado, pois ela não captou a importância desta foto.

We came together on this bus (636 line), and I was showing the pictures and was talking about who was each person. I remember that my photo with Si Baak Gung  Miguel Hernandez was the last in the album, and she asked:
 
-But do not have have a photo of you fighting?
-No.
-.... I thought it was about pictures of you fighting!
-So, but this one is one of the greatest Masters, his name is Miguel ... etc etc ...
 

But she did not care.
I must confess I was a little disappointed because she failed to grasp the importance of this photo.

Capítulo 2: Big-Head e Bambú.
Chapter 2: Big-Head and Bamboo.

 Grão-Mestre Moy Yat certa vez contou:

"Hung Chai Hung se juntou a Familia Kung Fu na Rua Lee Tak. Ele era muito sério, um camarada quieto, mas até que depois de começar no Ving Tsun ele ficou menos tímido. Ele veio até nós já com uma bagagem do estilo Louva-a-Deus. O conheci na casa de Ip Man. Naquela época eu era muito alto e magro, parecia uma vara de bambú. Entre os irmãos kung fu nunca fui odiado,mas ninguém nunca mudou seu jeito para ser legal comigo também. Hug Chai Hung e eu nos tornamos então grandes amigos."
Grand Master Moy Yat once told:


"Hung Chai Hung joined
Kung Fu Family in Lee Tak Street. He was very serious, a quiet guy, but until then Ving Tsun he was less shy. He came to us already with a Praying Mantis background. I met him at Ip Man´s house, and at that time I was very tall and skinny, like a stick of bamboo. Among the kung fu brothers anyone  never hated me, but nobody ever changed their way to be nice to me too. Hug Chai Hung and I then became great friends. "


Na verdade, quando eu era mais novo, sofri muito com digamos... o tamanho da minha cabeça. Se você queria me irritar, ou me magoar, era só falar sobre isso.rs

In fact, when I was younger, I suffered a lot from how can I say ... the size of my head. If you wanted to annoy me or hurt me, I was just talking about that.lol


(Se Marty Mcfly não suportava quando alguém o chamava de "Chicken" o mesmo acontecia comigo com "Cabeção" e derivados..rs)
(Marty Mcfly did not like to anybody call him "Chicken")

E um dia, alguns anos atrás,após um treino na Unidade Méier, ia caminhando com Guilherme em direção ao ponto de ônibus e ele falou:

-Si Hing.
-Fala . - respondi enquanto andávamos.
-Eu as vezes acho que não estou preparado pra ser Si Hing.
-Como assim? - perguntei surpreso.
-É que pra ser Si Hing tem que ter uma segurança que eu não tenho. - disse Guilherme.
-E você acha que eu tenho? - perguntei.
-Acho sim Si Hing.

Por alguns segundos, um filmes passou pela minha cabeça. Eu pensei: "Não existe cara no mundo mais inseguro do que eu. Como que o Guilherme pode achar que eu sou seguro?Eu sou só um cara magro e com a cabeça grande!Nem deveria estar aqui."

And one day, a few years ago after a Ving Tsun session at Meier Studio, Guilherme(12G VT) my Si Dai, was walking with me toward the bus stop and he said:
 
-Si Hing.
-What? - I said as we walked.
-I sometimes think I am not prepared to be Si Hing.
-Why not? - I asked very surprised.
-Because to be Si Hing must have a self-confidence that I dont have. - Guilherme said.
-And do you think that I have? - I asked.
-yes Si Hing, I think that you have.
 
For a few seconds, a film crossed my mind. I thought: "There is no guy in the world more insecure than I am. How that Guilherme may think I am self-confidence? I'm just a skinny guy with a big head! I´m not even suppose to be here. "

 (Guilherme me ajuda em demonstração durante workshop na Unidade Méier).
(Guilherme 12G VT supports me while I´m doing a demo at Meier Studio in early days.)

Mas aí eu lembrei do Si Fu. Ele havia me dito quando comecei lá no Méier, que não se preocupava se eu estava inseguro, se estava fazendo um "bem" ou um "Mal" ao pessoal do Méier como Si Hing, porque tinha certeza que eu fazia com o coração.

But then I remembered my own Si Fu . He had told me when I started there in MYVT Meier Studio, that he did not care if I was doing a "good" or a "wrong" for the members of the Meier as a Si Hing, because he was sure that I was doing with the heart.


 E então eu também lembrei da minha amiga que não soube apreciar minha foto com Si Baak Gung Miguel anos antes. Porque eu mesmo não estava apreciando a mim mesmo quando Guilherme me disse aquilo.
Acima, vemos uma trecho de uma carta escrita por Si Baak Gung Miguel ao seu Si Dai e meu Si Gung Leo Imamura, onde lembra as palavras do Si Fu dos dois:

"Kung Fu sem um sistema não é bom Kung Fu. Kung Fu que depende de um sistema,não é bom Kung Fu"

e termina com: "Sempre pensando em nossa amizade, Miguel."

大頭  - Estes dois ideogramas se pronunciam "Dai Tao" ou "cabeça grande", enfim, "cabeção". Mas veja que interessante. Um líder, um chefe, alguém que tem seguidores, é também chamado de "Dai Tao". Se você é uma pessoa que inspira ou lidera outras sem que elas ou outras pessoas percebam, você pode ser considerado um "下大頭" (Ha Dai Tao) ou o "líder que se move por baixo".

Se eu soubesse chinês quando era pequeno, talvez não me deixasse magoar tanto..rs

And then I also remembered my friend who has failed to take the essence of the importance of my photo with Si Baak Gung Miguel  years before. Because I was also not enjoying myself when Guilherme told me that.

Above, we see an excerpt from a letter written by Si
Baak Gung  Miguel to his Si Dai, and my Si  Gung Leo Imamura, which recalls the words their Si Fu Moy Yat :
"Kung Fu without a system is not kung fu. Kung Fu that depends on a system, is not good Kung Fu"


and ends with: "Always thinking of our friendship, Miguel."

大頭 - These two ideographs are pronounced as "Dai Tao" or "big head". 
But see how interesting.:A leader or  someone who has followers, is also called "Dai Tao." If you are a person who leads or inspires others without anyone notice thate you can be considered a "下大頭" (Ha Dai Tao) or the "leader that moves underneath."


If I knew Chinese when I was little, maybe not let me hurt so bad .. hehe

Isso foi algo percebido por Si Taai Gung Moy Yat, quando adotou "高人"(Go Yan) como pseudônimo. Onde "Go" seria alto, e "Yan" pessoa. Ele brincava com sua altura ao mesmo tempo em que dizia que ele era uma "pessoa elevada".

That was something perceived by Si Taai Gung, when he adopted "高人" (Go Yan) as an nickname(pseudonym). Where "Go" would be "high", and "Yan" would be "person". He played with his height at the same time that he was saying that he was "elevated person."

Por isso  que minha amiga subestimou essa foto, e eu subestimei o olhar do Guilherme para comigo. E o próprio Guilherme, estava subestimando a si mesmo como Si Hing.
Porque você não precisa mostrar nada, você não precisa ser 100% seguro, você não precisa nem mesmo conhecer a pessoa.

O que importa no final é o quanto você marca alguém através do coração. E talvez por ter marcado tanto com o coração seu Si Dai Leo Imamura, Si Baak Gung Miguel tenha despertado num garoto na época com 19 anos que nem o conhecia, a vontade de tirar uma foto com ele. Porque o que havia chegado até mim, havia sido o tamanho de seu coração, e não o de sua habilidade.

So thats why my friend underestimated this picture with Si Baak Gung Miguel, and I underestimated the feelings of Guilherme for me. And Guilherme himself, was underestimating himself as Si Hing.

Because you do not need to show anything, you do not suppose to be 100% self-confidence, you do not even have to know the person.
 
What matters in the end is how you mark someone through the heart. And maybe by marking so well his Si Dai´s heart (Si Gung Leo Imamura) Si Baak Gung Miguel has attracted a boy who was then 19 years old that neither knew him but have the desire to take a picture with him. Because what had come to me, was the size of his heart, not the size of his skills.

ENTREVISTA COM MESTRE MIGUEL HERNANDEZ. PARA LER, BASTA CLICAR NAS IMAGENS ABAIXO.
(THE PAGES WILL BE TRANSLATED TOMORROW)












Thiago Pereira,Moy Fat Lei(12G VT)
Moyfatlei.myvt@gmail.com

No comments:

Post a Comment